Lição 4 – Davi, o rei amado viver+ 4/ tri 2021

§Davi, cujo o nome significa “amado”, foi um homem notável, excelente músico e poeta, amém de forte e valente. Homem de guerra, Davi era firme em suas palavras e o Senhor era com ele (1Sm 16.18). §Desde de jovem, Davi aprendeu que o Senhor está perto daqueles que têm um coração quebrantado e contrito (Sl 34.18), por isso mesmo sendo um homem falho, Davi agradou ao Senhor de tal maneira que recebeu a promessa divina de uma aliança eterna, pois nunca faltaria um sucessor da sua linhagem no trono de Israel (2Sm 7.16).

§Devido à desobediência e a insubmissão de Saul, Deus mandou Samuel ungir um novo rei. Deus enviou Samuel a casa de Jesse: um homem honrado e que tinha muitos filhos. Deus disse que escolheria um novo rei daquela família, mas que esperasse sua orientação sobre qual deles seria. §Ao ver Eliabe o filho mais velho, percebeu nele a mesma beleza e postura de Saul e por isso pensou que ele seria o ungido de Deus. Mas, imediatamente ele foi advertido (1Sm 16.7) §Depois dessa palavra Samuel ficou mais atento, e esperou que todos os rapazes passassem diante dele, mas Deus não escolheu nenhum: “Acabaram-se os jovens?” (1Sm 16.11). E Jesse respondeu que faltava o mais novo, Davi, que estava apascentando as ovelhas. E mandaram chama-lo, e o Senhor disse a Samuel: “Levanta-te e unge-o, porque este mesmo é” (1SM 16.12). §Pergunte aos alunos se eles já julgaram alguém pela aparência. Ouça as respostas e promova um debate sobre este tipo de atitude à luz da história de Davi.

Assista a vídeo aula aqui

§As histórias de Saul e Davi se cruzaram em vários momentos. Davi já havia sido ungido, mas ainda não tinha chegado o tempo de seu governo. Os israelitas e o filisteus estavam em guerra e Jesse mandou que seu filho caçula fosse até o campo de batalha ver como estavam seus irmãos e levar um pouco de alimento a eles. Ao chegar no campo de batalha viu o gigante filisteu, Golias, que afrontava o exército de Israel (1Sm 17.17-19). §Davi ficou indignado ao ver que ninguém tinha coragem de enfrentá-lo. Indignado Davi questionou: “quem, pois, é este incircunciso, para enfrentar os exércitos do Deus vivo? ” (1Sm 17.26). §Davi se voluntariou para lutar. Quando Saul viu que Davi era jovem e inexperiente tentou fazer com que ele desistisse, mas ele disse que já tinha derrotado um leão e um urso, e assim faria com Golias. §Golias pensava que enfrentaria um grande guerreiro, mas, ao ver Davi ficou furioso, vendo um jovem inexperiente e “despreparado”, mas Davi pegou as armas que conhecia: uma funda e cinco pedras que tirou do ribeiro, e partiu contra o inimigo em nome do Deus vivo (1Sm 17. 43-45). Davi girou a funda e lançou a pedra bem no meio da testa de Golias. O gigante caiu e Davi o matou.

Baixe o slide aqui

§O tempo de espera entre a unção de rei e a posse do trono foi importante para que Davi amadurecesse como pessoa e como governante. Mesmo conhecendo a vontade de Deus, ele não se precipitou, aguardando o tempo certo do seu reinado.

Se este texto te foi útil, compartilhe com alguém, dê uma estrelinha e assine pra receber mais notificações.

Avaliação: 1 de 5.

Lição 4 A implicação teológica do Tabernáculo conectar+ 3° tri 2021

•Os detalhes do Tabernáculo revelam temas que seriam transformados em teologia tais como Soteriologia, Hamartiologia, Cristologia e outras

Assista a lição aqui

A REDENÇÃO üO tema aparece muitas vezes no Antigo Testamento, referindo-se aos ritos da “redenção” no tocante às pessoas ou aos bens (cf. Lv 25; Rt 3 e 4, que empregam a palavra hebraica ga’al). ü O “parente redentor” funciona como um go’el

O “parente redentor” funciona como um go’el. O próprio Javé é o Redentor (heb. go’el) do seu povo (Is 41.14; 43.14), e eles são os redimidos (heb. ge’ulim, Is 35.9; 62.12) üNo Novo Testamento, Jesus é tanto o “Resgatador” quanto o “resgate”; os pecadores perdidos são os “resgatados”. Ele declara que veio “para dar a sua vida em resgate [gr. lutron] de muitos” (Mt 20.28; Mc 10.45).

•O Tabernáculo era um santuário portátil construído sob as orientações divinas a Moisés. Ele é era o símbolo da autoridade de Deus sobre Israel e foi utilizado durante a peregrinação do Povo no deserto, como na entrada em Canaã até ser desativado na construção do Templo pelo Rei Salomão.

Baixe o slide da lição aqui

Se este texto te foi útil, compartilhe com alguém, dê uma estrelinha e assine pra receber mais notificações.

Avaliação: 1 de 5.

3 razões pelas quais ainda devo ir a igreja? (Estudo bíblico)

Por que ainda devo ir a igreja, estudo bíblico que nos ensina sobre os motivos de se ir à igreja nos tempos atuais

Baixe este maravilhoso estudo bíblico aqui! (Slide)

Se este texto te foi útil, compartilhe com alguém, dê uma estrelinha e assine pra receber mais notificações.

Avaliação: 1 de 5.

lição 1. Estudo sobre Mordomia Cristã

SÉRIE DE DE ESTUDO BÍBLICOS (ANO 1)

1. DEFINIÇÃO:

Mordomia cristã é termo utilizado para se denominar a responsabilidade que cada cristão possui em relação à administração dos bens espirituais e materiais que Deus lhe concedeu. A Bíblia diz claramente que somos mordomos de Deus nesta terra. Neste estudo vamos estudar e conhecer a sua base bíblica!

Mordomo: gr. oikonomos (oikoV – oikos, casa, e nomoV – nomos, governo). Major, em latim, é maior ou principal, e domus, casa.

Referencias:

•1 Pe 4:10  Cada um administre aos outros o dom como o recebeu, como bons despenseiros da multiforme graça de Deus. •

•1 Co 4:1  • Que os homens nos considerem como ministros de Cristo e despenseiros dos mistérios de Deus. 

1.2. CONCEITO BÍBLICO DA MORDOMIA:


“É o reconhecimento da soberania de Deus, a aceitação do nosso cargo de depositários da vida e das possessões, e administração das mesmas de acordo com a vontade de Deus” • •

1.3. BASE BÍBLICA DA MORDOMIA CRISTÃ:


a) Deus é dono de tudo e de todos:
Do universo: Gn 1.1; 14.22; l Cr 29.l3-l4; Sl 24.l; 50.10-12.
Do homem:
por direito de criação -Is 42.5
por direito de preservação: At l4.l5-l7 e At 17.22-28
por direito de redenção: 1 Co 6.l9e20; Tt 2.l4 e Ap 5.9 •
b) O homem é o mordomo – Gn 1.28; 2.l5 e Sl 8.3-9.

1.4•VALOR DA DOUTRINA  DA MORDOMIA PARA A VIDA CRISTÃ

DEvemos ter em nossa mente que, como cristãos tomar conta do que Deus nos dá é:
Senso do sagrado
Senso de responsabilidade
Senso de dependência •

Logo:
A mordomia cristã estabelece como verdade que Deus é o Senhor, o Dono de tudo quanto existe na terra e no céu e concedeu ao homem o privilégio e responsabilidade de administrar. Os homens não são os donos, mas mordomos.

•“Além disso requer-se nos despenseiros (ou mordomos) que se ache fiel.”

.( 1 Cor-4.2).

2. MORDOMIA DO CORPO

Dentro do Estudo da Mordomia cristã está o estudo do corpo do homem, que segundo este princípio também pertence a Deus

  “Ou não sabeis que o nosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?

“Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus.”

(1 Coríntios 6.19.20)

2.1. CONCEITO FALSO SOBRE O CORPO:

Pensa errado aquele que acha que o seu corpo lhe pertence. Veja o que a Bíblia diz


2.2. O QUE A BÍBLIA FALA DO NOSSO CORPO?


Foi criado por Deus: Gn 1.26 e 28 – 2.7 e Sl 139.14.
É templo do Espírito Santo: 1 Co 6.19 e 20.
É usado como metáfora da Igreja: 1 Co 12.12–31.
Podemos glorificar a Deus em nosso corpo (1 Co 6.20 e Fp 1.20), dedicando-o a Deus (Rm 12.1 e 2).

2.3. DEVERES PARA COM O CORPO

Como o corpo não pertence ao próprio homem, e sim a Deus que o Deus, é preciso que o homem cuide dele. Veja alguns exemplos do cuidado com o corpo
Alimento saudável
Higiene do corpo, da casa e das roupas assim evitando doenças
Visitas ao médico em caráter preventivo – vacinas, por exemplo, exames preventivos, etc.
Descanso
Usar trajes dignos (Sl 96.9)
Lazer (Lc 2.52)
Fugir da prostituição (1 Co 6.15-18, Ef 5.1-4 e Cl 3.5)
Não fazer uso dos inimigos do corpo: fumo, bebida e drogas 1 co 6.19,20 • 

CONCLUSÃO:


Cuidar do nosso corpo é um dever. Deus escolheu fazer dele o seu templo. Sendo assim, deve ser usado de acordo com a vontade de Deus, que é boa, perfeita e agradável. Sabendo que o nosso corpo não é nosso mas de Deus.

Não perca a continuação deste estudo.

Gostou? baixe o slide gratuitamente!

Se puder, deixe um cafezinho, ok?

Saiba como aqui: https://apoia.se/estudandoabiblia